Xiaomi anuncia Pocophone F1 com Snapdragon 845 por US$ 300


Já figurando entre as cinco maiores fabricantes de smartphones do mundo, a Xiaomi anunciou um novo modelo para brigar com os atuais topos de linha. O Pocophone F1 é o primeiro de uma submarca da empresa, e junta especificações acima da média por um preço consideravelmente abaixo dos principais rivais. Pelo equivalente a 300 dólares (1.215 reais), o celular oferece processador Snapdragon 845 – o mesmo usado no Samsung Galaxy Note 9 – e 6 GB de memória RAM.

O novo aparelho da Xiaomi ainda oferece outras duas opções de configuração. A mais poderosa, com preço sugerido de 415 dólares (equivalente a 1.680 reais), conta com 8 GB de RAM e 256 GB de capacidade para armazenamento. Todas elas vêm com Android 8.1 com a MIUI 9.6. Por ora, ele só tem lançamento confirmado para a Índia – 29 de agosto –, mas a empresa deve dar novas datas em um evento no próximo dia 27.

A ideia da fabricante com o smartphone é concorrer com modelos como o OnePlus 6, que também segue essa filosofia de especificações boas por preço mais baixo. Tanto é que, assim como o rival, o aparelho compensa o alto custo das peças internas na construção, que pende mais para o segmento intermediário, como bem notou o Android Police.

Xiaomi anuncia Pocophone F1 com Snapdragon 845 por US$ 300

A traseira do celular é coberta por uma tampa de plástico, e a tela LCD, ainda que tenha proporção 18:9, tem um entalhe no topo e um “queixo” embaixo. Sua resolução Full HD+ também não é a mais alta do mercado, mas ainda deve ser boa o suficiente para reproduzir conteúdo sem perda de definição – afinal, displays desse tamanho não necessariamente precisam de uma resolução tão alta.


As câmeras também não trazerem as melhores especificações já vistas. Atrás, o aparelho tem dois sensores, de 12 e 5 megapixels, sendo que o principal vem com lente de abertura f/1,9. Nada de estabilização ótica, mas há suporte à gravação de vídeos em 4K a 30 fps. Na frente, o sensor é de 20 megapixels e a lente tem abertura f/2.0.

Veja Também

— Moto E5 Play chega ao Brasil com Android Go e 1 GB de RAM por R$ 800

— Netflix deve mudar forma de pagamento no iPhone; entenda

O aparelho não deve chegar oficialmente ao Brasil tão cedo, já que a Xiaomi deixou de lançar aparelhos por aqui há dois anos. Ainda assim, há revendedoras especializadas nos modelos chineses, que muito provavelmente importarão o Pocophone F1 quando ele chegar a mais países além da Índia. O preço, no entanto, pode não ficar mais tão em conta: uma loja holandesa já listou a versão mais básica por 400 euros, equivalente a quase 1.900 reais.

Via: Olhar Digital



A Black Friday vem aí: Confira a mini-loja do Portal Winzow no Magazine você. São milhares de produtos em vários setores. Sua compra é 100% segura e realizada pelo Magazine Luíza. Clique Aqui